18 de janeiro de 2007

Do forno para o refrigerador
É incrível como as férias, por mais longas que sejam, nunca são suficientes. Infelizmente tive que deixar a família e os amigos no Brasil e voltar para a República Tcheca. Mais uma despedida, mais saudade apertando o coração. Não sei até quando vou agüentar tanta despedida...
Como se fosse uma recepção de boas-vindas, no dia em que cheguei aqui estava passando um furacão pela Europa, com ventos de quase 200 Km/h, o que tornou o vôo um pouco "turbulento". Para ajudar, a KLM perdeu as minhas malas (parece que eles não sabem transferir malas de um avião para outro - é melhor deixar o passageiro fazê-lo).
Para quem estava reclamando do inverno tcheco, o mais quente dos últimos 1248 anos, agora ficou bom - Começou uma nevasca forte que derrubou a temperatura para menos de 10 graus negativos e, em um único dia, já fez o que vocês estão vendo nessas fotos. A previsão é que o frio aumente e que a neve contiue sem parar pelos próximos 5 dias. Para quem queria um inverno de verdade, está começando a ficar bom.

Um comentário:

Fernando disse...

Du, meu carro tambem estava cheio de neve nesse mesmo dia, mas o seu parece mais recheio de lanche... nem da pra ver... hehehe